Resto embrionário originado a partir do desenvolvimento anómalo de estruturas da cabeça e/ou pescoço.

Localizado tipicamente no pescoço, lateralmente.

Identifica-se como tumefação com bordo regulares, móvel e com localização próxima ao músculo esternocleidomastoideu.

Durante a adolescência ou idade adulta pode começar a aumentar de tamanho após quadro gripal.

Existe risco muito pequeno de transformação em cancro.

Tratamento adequado implica remoção por cirurgia.

  • (+351) 961 599 999
  • geral@joaobarosa.pt
  • Aveiro

Acompanhe-me:

© 2018 João Barosa | Todos os direitos reservados

Feito por: