Numa situação normal, quando falamos (vocalizamos) as cordas vocais aproximam-se (quase tocando uma na outra).

Os nódulos das cordas vocais correspondem a pequenas lesões benignas simétricas que surgem no bordo livre de ambas as cordas vocais quando, por alguma alteração do funcionamento da laringe, as cordas vocais tocam uma na outra. 


O facto das cordas vocais tocarem uma na outra provoca:

– Alteração das características da voz.

– Surgimento de pequenas lesões (nódulos) na zona onde há contacto (tal como surgem calos nas mãos por usarmos um instrumento repetidamente).

Em normalizando o funcionamento da laringe, esta situação por ser revertida através de tratamentos que englobam medicação e/ou sessões de terapia da fala.

No caso de não se conseguir reversão da situação, os nódulos podem evoluir para lesões de mais difícil tratamento, embora nunca originem lesões malignas.

  • (+351) 961 599 999
  • geral@joaobarosa.pt
  • Aveiro

Acompanhe-me:

© 2018 João Barosa | Todos os direitos reservados

Feito por: